PUBLICIDADE

Kate Middleton diz que está em tratamento contra câncer e passa por quimioterapia

Princesa de Gales declarou estar bem e ‘cada dia mais forte’; anúncio vem após semanas de especulações por desaparecimento público

Foto do author Redação
Por Redação
Atualização:

REINO UNIDO -A princesa de Gales, Kate Middleton, revelou nesta sexta-feira, 22, que está passando por quimioterapia para tratar um câncer, após semanas de especulações por seu não aparecer em público desde janeiro. Em uma declaração em vídeo, Kate disse que o diagnóstico foi um grande confessou ter passado por meses incrivelmente difíceis. Não foram revelados mais detalhes sobre o câncer. O sogro da futura rainha, o rei Charles III, passa desde fevereiro por um tratamento contra um tumor, depois de passar por uma cirurgia na próstata.

PUBLICIDADE

Na mensagem, a princesa de 42 anos disse estar bem e cada dia mais forte. O Palácio de Kensington diz estar confiante de que a princesa se recuperará totalmente e afirmou que não compartilhará mais nenhuma informação médica privada, incluindo o tipo de câncer.

Em 16 de janeiro, Kate passou por uma cirurgia abdominal e desde então não fez aparições públicas, gerando especulações. Na mensagem, ela diz que na época lhe foi falado que sua condição não era cancerosa, mas mais tarde foi descoberta a presença do câncer.

Kate Middleton, a Princesa de Gales, gravou uma mensagem anunciando que, após sua cirurgia abdominal em janeiro, os exames pós-operatório constataram a presença de câncer Foto: BBC Studios via AP

Pedidos por privacidade

“A cirurgia foi um sucesso, mas após durante exames pós-operatórios foi revelada a presença de um câncer”, disse. Desde então, ela está em tratamento preventivo com quimioterapia por recomendação médica, completa.

“William e eu temos feito tudo o que podemos para processar e administrar isso de forma privada, para o bem de nossa jovem família. Levamos tempo para explicar tudo a George, Charlotte e Louis de uma forma que fosse apropriada para eles e para tranquilizá-los de que vou ficar bem”, afirmou, pedindo por privacidade, espaço e tempo.

“Como eu disse a eles, estou bem e me fortalecendo a cada dia, concentrando-me nas coisas que me ajudarão a me curar, em minha mente, corpo e espírito”.

Especulações e foto forjada

As especulações começaram depois que ela deu entrada no hospital em janeiro. Kate, porém, saiu do hospital sem avisos públicos e não foi mais vista. A ausência do príncipe William de um funeral da família aumentou os rumores.

Publicidade

O burburinho aumentou depois que a princesa publicou uma foto com os filhos na ocasião do dia das mães no Reino Unido, em 10 de março, que mais tarde foi retirada pelas agências de notícias por descoberta de manipulações digitais. A princesa admitiu que havia feito experimentos com ferramenta de manipulação de imagens, levantando discussões éticas sobre o tema.

Na último fim de semana, tabloides britânicos publicaram uma foto da princesa em público com o marido. De acordo com a imprensa britânica, Kate foi vista no sábado, 16, com o marido em uma loja localizada a cerca de um quilômetro de sua casa em Adelaide Cottage, em Windsor, que fica a 40 quilômetros de Londres.

A princesa agradeceu o apoio do marido e dos fãs da família real. “Ter William ao meu lado também é uma grande fonte de conforto e segurança. Assim como o amor, o apoio e a gentileza demonstrados por tantos de vocês. Isso significa muito para nós dois.”

Sem funções oficiais

Após o anúncio, já não se espera que a princesa e o príncipe de Gales apareçam com a Família Real no domingo de Páscoa, e não haverá nenhum retorno antecipado às funções oficiais da princesa, segundo a BBC. “Meu trabalho sempre me trouxe uma profunda sensação de alegria e estou ansiosa para voltar quando for capaz, mas, por enquanto, preciso me concentrar em uma recuperação completa”.

“Para todos que enfrentam esta doença, seja qual for a forma, por favor, não percam a fé ou a esperança”, termina Kate em seu vídeo.

Um porta-voz do Palácio de Kensington anunciou que Kate irá retomar suas funções oficiais assim que receber alta de sua equipe médica. “Está de bom humor e trabalhando para se recuperar totalmente”, disse.

A mensagem foi filmada na quarta-feira, 20, nos estúdios da BBC. Em nota a BBC News disse que foi informada pelo Palácio de Kensington sobre o anúncio esta tarde, juntamente com outros meios de comunicação.

Publicidade

Mensagens de apoio

O rei Charles III, que também passa por um tratamento de câncer, disse estar muito orgulhoso da princesa. “Sua Majestade está muito orgulhoso de Kate pela coragem que ela demonstrou ao falar como fez”, informou um porta-voz do palácio, acrescentando que o soberano tem estado “em contato com sua nora amada ao longo destas últimas semanas”.

Em 5 de fevereiro, o Palácio de Buckingham informou que Charles havia sido diagnosticado com câncer precocemente e ia se afastar de seus compromissos públicos durante o tratamento. Ele assumiu o trono em maio de 2023, quase oito meses após a morte de sua mãe, a rainha Elizabeth II.

Charles e Camilla na sacada do Palácio de Buckingham após o casamento entre William e Kate Foto: Matt Dunham/AP

Já o premiê Rishi Sunak desejou uma pronta e rápida recuperação à princesa. O primeiro-ministro disse em comunicado que Kate “demonstrou uma coragem tremenda”. “Nas últimas semanas, ela foi submetida a um intenso escrutínio e tratada injustamente por certos setores da mídia em todo o mundo e nas redes sociais”.

Keir Starmer, líder do Partido Trabalhista, de oposição, também enviou seus melhores votos à princesa neste “momento angustiante”.

O príncipe Harry e sua esposa Meghan Markle, que estão afastados de William e Kate desde que se mudaram para a Califórnia em 2020, desejaram melhoras à princesa. “Desejamos saúde e cura para Kate e sua família e esperamos que eles possam fazê-lo de forma privada e em paz”, disseram em comunicado.

A secretária de imprensa da Casa Branca, Karine Jean-Pierre, abriu sua coletiva com jornalistas momentos após a divulgação da notícia. “Acabamos de ouvir a terrível notícia”, disse. “Nossos pensamentos estão com a Duquesa de Cambridge e sua família”, disse Jean-Pierre, acrescentando: “Certamente desejamos a ela uma recuperação total”.

Ela pediu respeito à privacidade da princesa e por isso não faria mais comentários. “Estamos extremamente tristes com a notícia”, disse Jean-Pierre. “Estamos absorvendo isso, esta notícia terrível, assim como todos vocês.”/Com AP

Publicidade

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.