PUBLICIDADE

Foto do(a) blog

O blog voltado ao cidadão e ao consumidor

Vila Constância: morador reclama de excesso de lixo em escada pública

Prefeitura de São Paulo informa que uma equipe de zeladoria foi enviada para o endereço mencionado e realizou a limpeza do local e a roçagem do mato

Foto do author Renata Okumura
Por Renata Okumura

Cícero Araújo cobra limpeza em escada de acesso público localizado na Rua Humberto Dantas, na Vila Constância, na zona leste de São Paulo.

Reclamação de Cícero Araújo: “Quero reclamar sobre falta de zeladoria. Já não é de hoje que moradores cobram a limpeza desta área que fica perto do escadão da Rua Humberto Dantas (03755-060), que dá acesso para a Avenida São Miguel, na Vila Constância, na zona leste da cidade. Pagamos IPTU alto e nada é feito para resolver definitivamente o problema, que poderia ser solucionado, não com a limpeza e corte do mato, que volta a crescer, mas com colocação de cimento ou algo semelhante nesta área. Os moradores já não aguentam mais. A limpeza é feita, corte do mato, depois volta a crescer e moradores de lixo jogam lixo e fazem suas necessidades lá também. Idosos e crianças transitam sempre pelo local, com risco até de pegar uma doença. Também poderia ser revitalizado o espaço com pintura da escadaria e paredão, desta forma, inibiria as pessoas de destruírem e sujarem o local. Também daria mais segurança aos moradores que vivem na região e utilizam diariamente o escadão. Agradeço desde já a atenção.”

Morador reclama de excesso de lixo em escada pública da Vila Constância, na zona leste de SP. Foto: Arquivo pessoal/Cícero Araújo

PUBLICIDADE

Resposta da Prefeitura de São Paulo, por meio da Subprefeitura Ermelino Matarazzo: “A Prefeitura de São Paulo, por meio da Subprefeitura Ermelino Matarazzo, informa que uma equipe de zeladoria foi enviada para o endereço mencionado e realizou a limpeza do local e a roçagem do mato.”

Após contato novamente, leitor disse que a limpeza foi realizada, mas colocação de cimento em alguns pontos perto do escadão seria a solução definitiva para a questão do mato que também cresce constantemente no local.

Envie suas reclamações

Mande uma mensagem para o e-mail spreclama@estadao.com. Nossa reportagem vai apurar a denúncia e apresentar a resposta no blog Seus Direitos, um espaço voltado ao cidadão e ao consumidor.

Publicidade

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.