Ir a Marte sem sair de SP? Exposição em shopping dá gostinho sobre viagem ao espaço

Expedição até o planeta vermelho demoraria alguns meses, mas até o fim de junho dá para experimentar a aventura espacial na zona oeste de São Paulo

PUBLICIDADE

Foto do author Ana Lourenço
Por Ana Lourenço
Atualização:

Astronautas, tecnologia, estrelas e planetas são uma boa pedida de diversão em filmes, séries e livros. Mas que tal uma experiência imersiva no espaço? Essa é a proposta da Missão Marte, que está no Shopping West Plaza, na zona oeste de São Paulo.

PUBLICIDADE

Essa é a segunda temporada da exposição interativa e gratuita organizada pela International School em parceria com o International Space Academy (KSCIA). A primeira foi no Shopping Morumbi, na zona sul, e recebeu mais de 11 mil inscrições para as atividades oferecidas. Com inovações, a organização decidiu levar a mostra para outro bairro e atrair ainda mais interessados em conhecer Marte sem passar meses em um foguete.

“Percebemos que os brasileiros ainda têm pouco acesso a informações sobre esse universo tão encantador, que é o da exploração espacial. Por isso decidimos renovar a mostra, incluindo mais atividades pedagógicas e imersivas para que crianças e jovens possam realmente conhecer o planeta Marte”, explica Ulisses Cardinot, CEO da International School e idealizador da exposição.

A parceria com a KSCIA começou em 2019, quando alunos de escolas parceiras da empresa visitaram o Kennedy Space Center em Orlando (EUA), um dos maiores centros espaciais do mundo, durante intercâmbio de cinco dias com workshops e treinamentos com profissionais de diferentes áreas. A partir daí, percebeu-se um nicho que poderia ser explorado no Brasil.

Como é a exposição?

O espaço de 300m² é separado em três salas. Na primeira, uma monitora acompanha o percurso menos interativo, onde o visitante pode observar artefatos trazidos do Kennedy Space Center. Entre elas, estão peças autografadas ou usadas por grandes astronautas como Alan Shepard, o primeiro americano a ir para o espaço.

Outro item é uma réplica do Perseverance. Esse é um astromóvel criado pela agência espacial dos Estados Unidos, a Nasa, que percorre a superfície de Marte atualmente.

Início da exposição 'Missão Marte' conta com objetos que foram para o espaço, como roupas, comidas desidratadas e relatórios Foto: Felipe Rau/Estadão

“Trouxemos mais interatividade, curiosidade e tecnologia do que em relação ao ano passado”, diz Lucimara Kehrle, gerente de projetos educacionais da International School. A maior amostra disso é a experiência imersiva com óculos de realidade virtual 360º e os QR Codes que acompanham os objetos com vídeos de astronautas interagindo com a peça em questão.

Publicidade

Todos os vídeos, incluindo o da experiência imersiva, são retirados do YouTube, com boa curadoria e curiosidades. Uma delas, por exemplo, explica como Buzz Lightyer o herói de Toy Story, da Disney - foi inspirado em Buzz Aldrin, o segundo homem a pisar na lua.

Essa seção inicial, porém, ainda não dá o gosto da imersão. Por isso mesmo, a melhor parte está na segunda sala, onde os jovens colocam a mão na massa em um ambiente interativo com atividades temáticas sobre o espaço.

Segundo Lucimara, cada mês a atividade será diferente, justamente para atrair o público de volta para a exposição. Até o fim de março, por exemplo, as crianças podem construir uma mão robótica, feita de Lego e tecnologia. Depois, uma gincana final que seleciona a melhor construção do dia.

Exposição interativa e gratuita fica em cartaz até o final de junho Foto: FELIPE RAU

A ideia é desenvolver habilidades múltiplas, de um jeito divertido. O objetivo também é, segundo Luciana, de ensinar Inglês através do Inglês, de modo que outras matérias entrem no processo: “Matemática, História, Geografia e claro, habilidades essenciais para o século 21, como trabalhar em equipe e resolução de problemas”.

A terceira sala só é aberta para workshops destinados a professores e gestores de escolas sobre desenvolvimento educativo e outros profissionais do ensino que queiram saber mais sobre a International School.

Para quem é destinada a exposição?

O público-alvo são crianças e adolescentes de 7 a 17 anos, acompanhados pelas famílias ou pelas escolas. Familiares e professores, claro, também podem aproveitar a exposição. Uma das novidades dessa temporada são sessões para quem quer aproveitar a visita e fazer o tour 100% em inglês.

Elas acontecem todas as terças-feiras, às 20h, para o público geral. Já para as excursões escolares, é possível optar pela experiência em português ou em inglês.

Publicidade

A visitação dura cerca de uma hora e meia, tem atividades em grupo e demanda agendamento online.

Serviço

Endereço: Shopping West Plaza (Avenida Francisco Matarazzo s/n) Piso 2, Bloco A

Horário de funcionamento: Segunda a quinta: das 10h às 22h | Sexta: das 10h às 17h | Sábado: das 19h às 22h | Domingos e feriados: das 14h às 20h

Quando: até 30 de junho

Valor: gratuito, basta reservar o horário para visitação: www.kscia.internationalschool.global/missaomarte

Sala interativa permite que crianças e adolescentes construam ferramentas de legos e tecnologia Foto: Felipe Rau/Estadão
Tudo Sobre
Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.